AS VIAS do VIOLÃO com a VOZ

Inúmeras vezes me questionei: de que modo aqueles compositores violonistas brasileiros que tocam, cantam e criam referenciados no seu instrumento, elaboram, organizam tal processo na sua produção autoral de canções?

SOBRE a COMPOSIÇÃO de CANÇÕES

CANÇÃO é resultante da combinação de 04 ingredientes: letra, melodia, harmonia e ritmo. Como organizamos estes ingredientes é o grande desafio, visando o "sabor" resultante. Não é a quantidade, mas o equilíbrio nas escolhas

UM CAFÉ LÁ EM CASA – NOVOS TALENTOS!

No dia 19 de fevereiro foi divulgado nas redes sociais o espaço NOVOS TALENTOS. Imediatamente fizemos nossa inscrição via preenchimento de formulário e envio de um vídeo clip - no caso, clip de nossa canção "Balagulá, Xibimba" também já premiado num festivasl de Clips em Barcelona, o Premio Cl’hips em L’Hospitalet de Llobregat. Dia 10 de março, sábado, por volta das 18h protagonizamos o NOVOS TALENTOS com nosso vídeo selecionado!! Legal né? Estamos no Brasil e mundo!!

UMA NOITE BALAIO DE CORDAS – 2a. Temporada!

Projeto idealizado por Felipe Azevedo volta dia 04 de março, no Café Fon Fon, dando destaque às mulheres compositoras e instrumentistas

VIOLÃO com VOZ: sobre TOCAR e CANTAR

Muito mais que simplesmente representar duas ações musicais independentes (tocar e cantar), este procedimento performático visa um resultado estético: provocar no ouvinte uma escuta e sensação isolada e conjunta de fazeres musicais diversificados.

BALAIO DE CORDAS NOVAS

  Matérias das últimas edições, em Junho e Julho deste ano, jornal ZH:   BREVE HISTÓRICO: No segundo semestre de 1999, nos finais de tarde de domingo, na sala acústica do Café Coletânea localizado nas imediações…

POA JAZZ – DEPOIMENTO

Durante o percurso de chegada no Centro de Eventos, fato que possibilitou a mim e a minha esposa irmos “entrando no clima” jazzístico, na medida que avançávamos pelos ambientes do Barra Shopping, cartazes e vários materiais gráficos iam nos sinalizando, em meio à vida cotidiana das lojas e público, que algo sonoro estava a “perfumar” os espaços, escadas e vitrais.

“CONTEMPORÂNEA” e “AS MÚSICAS…”

Dar entrevistas é sempre uma oportunidade valiosa de aprendizado e desenvoltura. Momento que muitas vezes nos solicita foco e discernimento contínuos numa experiência interativa com o entrevistador. Especialmente quando o perfil do programa disponibiliza tempo e espaço e se pode contar com a sensibilidade e senso aguçado daquele que nos entrevista, estando este atento em esmiuçar detalhes da jornada da gente que por vezes, passam totalmente batidos!

“Identidades” – Brasil & Suíça II

Após praticamente 12 anos da turné de lançamento do álbum "Identidades" (2002), que somou um total de 80 concertos entre Suíça e Brasil, trabalho resultante de um encontro totalmente musical  que tivemos no Fórum Social Mundial, em 2001, o reencontro Felipe Azevedo & Olivier Forel (Brasil - Suíça) reafirmou um sentimento que sempre permeou nossa musicalidade, o inusitado!

Corpo de Baile

Meu primeiro contato com o álbum Corpo de Baile ocorreu quando li uma entrevista com a cantora Mônica Salmaso publicada pelo jornal O Globo, quase um ano atrás. Na ocasião a cantora, ao falar deste novo trabalho, também esboçou comentários sobre o cenário da música popular brasileira atual. Naquele momento, suas considerações desencadearam uma série de manifestações nas redes sociais favoráveis ou não às suas opiniões e posicionamentos.